Águas da Nazaré com Waveglider

06.04.2015

A Biblioteca Municipal da Nazaré acolheu recentemente a sessão de lançamento público da campanha marítima de levantamento de informação marinha a realizar pelo sistema Waveglider. Esta campanha surge no âmbito do Projecto Europeu Turnkey cuja componente portuguesa é assegurada pelo MARETEC/IST (www.maretec.org), um centro de investigação ligado ao Instituto Superior Técnico) cujas principais atividades consistem na modelação numérica do ciclo da água em ambientes marinhos e terrestres.

O projecto europeu TURNKEY (Transforming Underutilised Renewable Natural Resource into Key Energy Yields) tem como objectivo criar uma indústria que irá ajudar a reduzir as causas das alterações climáticas e criar empregos a longo prazo, ao mesmo tempo que protege o ambiente costeiro e marinho.

Na sessão pública estiveram presentes o Presidente da Câmara Municipal da Nazaré, as Autoridades Marítimas locais, a coordenadora europeia do projeto Turnkey a nível Europeu, os responsáveis nacionais do MARETEC/IST, para além dos responsáveis pela instalação e operação.

Para além da apresentação da campanha e do projecto, esta sessão teve como objectivo informar as comunidades locais, designadamente, as que se relacionam com actividades ligadas ao sector do mar, para a presença do Waveglider nas águas localizadas entre a Nazaré e S. Pedro de Moel durante cerca de um mês.

O Waveglider é um dispositivo constituído por dois módulos interligados. Um dos módulos circula à superfície e o outro, propulsor, encontra-se submerso alguns metros, estando interligados por um cabo que assegura o acoplamento entre os dois tendo em vista a propulsão, que é assegurada pelo movimento das ondas.

Este dispositivo é operado remotamente pela empresa proprietária a partir da sua sede na Califórnia. Possui cerca de dois metros de comprimento por 60 centímetros de largura, tem uma estrutura semelhante à das pranchas de surf e pesa cerca de 200 quilos.

Está equipado com hidrofone, câmara fotográfica, sensores atmosféricos, equipamentos de medição das correntes e sensor de agitação, sistemas estes alimentados por painéis solares instalados na superfície superior da estrutura.

O Waveglider possui também todos os sistemas de sinalização marítima requeridos para as embarcações, de modo a que a identificação da sua presença seja facilmente realizada.

O plano de navegação foi previamente traçado, contemplando a zona do Canhão da Nazaré, as zonas costeiras entre a Nazaré e S. Pedro de Moel, bem como um levantamento específico na Zona Piloto Portuguesa.

Um dos principais objetivos desta campanha é a recolha de informação que possa ser comparada com a obtida através das bóias do Instituto Hidrográfico e do satélite "Altika", de modo a validar os modelos matemáticos de previsão meteorológica e marítima que o MARETEC desenvolve. Esta informação previsional está já disponível e pode ser acedida a partir da página de entrada do website da ENONDAS, www.oceanplug.pt .

Uma das principais preocupações da campanha reside nos aspectos de segurança do dispositivo. Para tal, a Capitania do Porto da Nazaré vai emitir semanalmente avisos sobre a sua localização para que as embarcações que se dedicam à pesca o evitem, de modo a não lhe causar danos.

Foram, ainda, afixados alertas nas marinas da zona, de modo a reforçar a chamada de atenção das embarcações de recreio para que adoptem o mesmo tipo de medidas preventivas.

O lançamento ao mar decorreu no passado dia 28 de Março, no Porto da Nazaré.